terça-feira, 23 de novembro de 2010

(AL) PRF cumpre 12 mandados de busca e apreensão no Sertão alagoano

Maceió (AL) – A Polícia Rodoviária Federal deflagrou, na manhã desta segunda-feira (22), uma operação em rodovias do interior de Alagoas, com o objetivo de coibir assaltos contra veículos de carga que costumam trafegar no sertão do Estado, além de outros crimes que chegaram ao conhecimento da PRF e que teriam se tornado rotineiros na região da BR-423. A operação, denominada ‘Tempestade no Sertão’, contou com efetivo de cerca de 90 policiais, além da participação de equipes da Polícia Militar de Alagoas, que disponibilizou trinta viaturas de diversos tipos e uma aeronave.

Foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão solicitados pelo Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc), do Ministério Público Estadual, e expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital. Mais de 10 veículos foram apreendidos, além de cinco armas de fogo e várias munições. Ao todo, oito pessoas foram detidas por crimes diversos.

Vários municípios da região receberam equipes. Os policiais também realizaram um verdadeiro “arrastão” na rodovia. O Chefe da Divisão de Combate ao Crime do Departamento de Polícia Rodoviária Federal (DPRF), inspetor Moisés Dionísio, coordena os trabalhos que estão baseados no posto da PRF do Carié, situado no km 49 da BR-316.

As investigações tiveram início em outubro do ano passado, após uma ocorrência no km 40 da BR-423, em Canapi, quando um viatura em ronda foi emboscada por bandidos que tentavam assaltar um veículo de carga. Várias situações foram observadas desde então, principalmente o elevado número de veículos irregulares que trafegavam e praticavam ilícitos na rodovia, buscando abrigo nas regiões mais ermas das cidades.

Já no final da tarde desta quarta, a assessoria de comunicação da PRF emitiu uma nota acerca dos números relativos à operação. Segundo a polícia, as oito pessoas foram detidas (os nomes não foram revelados) por crimes como adulteração de sinal identificados de veículo automotor, porte ilegal de arma de fogo, e posse de veículos com queixa de roubo ou furto.

Todas as ocorrências foram encaminhadas às delegacias dos municípios onde foram realizados os flagrantes.

Além disso, 15 veículos foram apreendidos por suspeita de clonagem, adulteração e mandados de busca e apreensão. Cinco armas foram apreendidas, sendo três revólveres calibre 38 e duas espingardas também foram recolhidas, juntamente com 34 munições de calibres diversos.

FONTE: BRASIL CAMINHONEIRO

Postar um comentário