sábado, 12 de fevereiro de 2011

(MG) Polícia apreende carreta com carga de café roubada em Piedade de Caratinga

São mais de 200 sacas de café avaliadas em mais de R$ 300 mil reais. O motorista da carreta, Cleverson Venturi Freitas de 25 anos foi preso. Polícia Civil já investiga o caso.

A carreta foi abordada por policiais militares às seis horas da manhã desta terça-feira (08) nesta Avenida principal do centro de Piedade de Caratinga. A polícia foi acionada por uma transportadora de Belo Horizonte que informou que a carreta havia sido roubada. Através de rastreamento, policiais conseguiram identificar que a carreta passaria por Piedade de Caratinga.

No momento da abordagem, a PM prendeu Cleverson Venturi Freitas de 25 anos. Na carga, mais de 200 sacas de café, as quais a polícia acredita que sejam avaliadas em mais de R$ 300 mil reais. Segundo policiais, um dos rastreadores foi quebrado pelo motorista, mas, em meio à carga da carreta, havia um chip, uma outra medida de segurança da transportadora e que ajudou a polícia a identificarem onde a carreta estava.

O motorista da carreta, natural de Pequi, Espírito Santo, negou envolvimento no crime e afirmou à polícia que pegou uma carona em João Molevade e no meio do caminho teria recebido uma proposta para fazer o transporte da carga. Segundo policiais, Cleverson disse não saber o nome do motorista a qual lhe pediu para fazer o transporte.

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, o verdadeiro proprietário da carreta sofreu um assalto a mão armada em Itabira e logo teria comunicado o fato à polícia de Manhuaçu, que em seguida acionou a polícia de Caratinga.

Por volta das 10h30, a carreta foi trazida para a Delegacia de Polícia Civil de Caratinga e passou por uma rigorosa perícia. As investigações foram iniciadas pelo Tenente Gustavo da PM de Manhuaçu.   

Com o início das investigações, a polícia acredita que a carreta foi objeto de uma quadrilha de roubo de carga de café. A PM apura ainda as informações de que um veículo Punto de cor preta estaria acompanhando a carreta durante a viagem, por isso militares, suspeitam de que se trata dos integrantes da quadrilha, com objetivo de monitorar a ação criminosa.

A Polícia também apura as informações de que um fazendeiro da região de Caratinga está fazendo parte deste esquema e atua comercializando estas mercadorias roubadas.

O motorista da carga foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Caratinga e posteriormente encaminhado ao presídio de Caratinga. Segundo a polícia, Cleverson deve responder por roubo de carga. A polícia continua investigando o caso.

FONTE: SUPER CANAL

Postar um comentário