quarta-feira, 19 de outubro de 2011

(SP,MT) Polícia confirma prisão do "mais procurado ladrão de carretas" em MT

A Polícia Civil confirmou, esta manhã, a prisão de Sidney Bittcurt, conhecido por "Homem Aranha". Ele foi localizado pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) em Jales, São Paulo. É acusado de roubar carretas e apontado pela polícia como o "mais procurado pelas em Mato Grosso". Ele havia sido preso em setembro deste ano, mas a polícia "paulista não tinha conhecimento de suas habilidades criminosas, nem que ele era procurado pela justiça mato-grossense".

Conforme os policiais, vários contatos foram feitos com a Polícia de São Paulo, contudo, lá eles não haviam conhecimento da prisão de Sidney. Acreditando ser realmente verídica a informação recebida, os policiais do GCCO encaminharam a Polícia Civil da cidade de Jales o prontuário de identificação civil e criminal do foragido Sidney Bittcurt. "Ao confrontar com as impressões digitais de pessoas presas envolvidas em roubo de cargas e carretas em uma recente operação feita pela Policia Civil de São Paulo, os policiais chegaram a pessoa de Antonio da Silva Barbosa preso no último dia 30 de setembro de 2011, durante recente operação de repressão a roubos e furtos de cargas naquele Estado".

De acordo com o GCCO, os policiais paulistas ficaram surpresos quando descobriram através das informações repassadas pela Polícia Civil de Mato Grosso que tinham sob custódia um dos maiores ladrões de cargas do Estado de Mato Grosso. O acusado estava detido com eles, fazendo uso do nome fictício de Antonio da Silva Barbosa.

Ele é procurado em vários estados da federação. Sua quadrilha tem ramificações no Estado de Rondônia, onde Sidney Bittcurt tem mandado de prisão decretado, além dos estados de Mato Grosso, Goiás, Mato Grosso do Sul e São Paulo.

Em Mato Grosso, a fuga do criminoso e dos colegas de celas é investigada pela Gerência Estadual de Polinter. O inquérito policial está em trâmite.

O foragido da justiça de Mato Grosso, Sidney Bittcurt, protagonizou em setembro de 2010 uma das mais espetaculares fugas da Penitenciária Central do Estado. Na ocasião empreendeu fuga da Penitenciária saindo pela porta da frente.

Ao fugir, Bittcurt levou ainda mais dois traficantes, incluindo Augusto Rodrigues Martins, apontado pela Polícia Federal como chefe de uma quadrilha de tráfico internacional de drogas e receptação de carretas, preso em novembro de 2009, e Anderson Luiz Oliveira Silva, preso por envolvimento com o tráfico.

Anteriormente, Sidney Bittcurt também tinha fugido da Penitenciária de Segurança Máxima da Mata Grande, em Rondonópolis, de onde sumiu de forma misteriosa em 22 de setembro de 2002.

Além de possuir um vasto histórico criminal, que compreende crimes de roubo, receptação, porte de arma, sequestro, latrocínio (roubo seguido de morte), formação de quadrilha entre outros ele ainda registra em seu currículo criminoso várias fugas de penitenciárias e cadeias.

Sidney Bittcurt adotou o codinome "Homem Aranha" devido a sua peculiar habilidade em roubar camioneiros e carreteiros que transportavam combustíveis. Durante os roubos "saltava sobre os veículos ainda em movimento" e, logo após, mediante emprego de arma de fogo e grave ameaça rendia os motoristas que, posteriormente, eram levados a cativeiros improvisados em meio à mata fechada.

FONTE: SÓ NOTICIAS

Postar um comentário