quarta-feira, 19 de outubro de 2011

(AL,GO,MG,MT) Polícia divulga foto de chefe de quadrilha preso em Alagoas

Foi divulgado na manhã desta segunda-feira (17) pela Polícia Civil a fotografia do alagoano Sóstenes Alves dos Mártires, acusado de chefiar uma quadrilha que praticava roubo de cargas em fazendas nos estados de Goiás, Minas Gerais e Mato Grosso.

Sóstenes foi preso durante uma grande operação, realizada no sábado (15), por policiais da Superintendência de Inteligência da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) e da Delegacia Regional de Batalha. A operação foi desencadeada depois que o juiz Rodrigo Rodrigues de Oliveira, da Justiça de Goiás, expediu um mandato de prisão contra o acusado.

A operação nomeada de Sal da Terra, que desarticulou o grupo criminoso, descobriu que o alagoano era o responsável pelos os crimes de roubo de cargas e insumos agrícolas, em Goiás. Sóstenes foi preso na cidade de Pão de Açúcar, onde estava escondido desde o início das investigações em Goiás. Com os assaltos, o grupo já tinha faturado mais de R$ 20 milhões em mercadorias. Além do chefe, vinte e cinco integrantes da quadrilha já foram presos.

De acordo com comandante da Operação Sal da Terra, Douglas Pedrosa, delegado da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC), de Goiás, R$ 10 milhões em mercadorias roubadas foram recuperados. Ainda segundo a polícia goiana, a quadrilha se dividia em dois grupos com a formação de dez homens em cada, sempre fortemente armados.

Além dos furtos, o grupo é acusado da morte de um funcionário de uma em Acreúna, também no estado goiano.

Durante a operação foram apreendidos rádios de comunicação, uma espingarda calibre 12 e outra 44, cinco pistolas e munição 380, além de outros equipamentos e blocos de notas fiscais frias e identidades falsas.

Sóstenes foi levado para a Casa de Custódia em Maceió, onde permanecerá preso até ser transferido para o Estado de Goiás, onde outros integrantes da quadrilha estão à disposição da Justiça.

FONTE: PRIMEIRA EDIÇÃO

Postar um comentário