segunda-feira, 5 de março de 2012

(SP) Carga roubada é recuperada em Limeira


 Material, avaliado em R$ 70 mil, foi roubado em Sumaré na quarta-feira
Uma carga de tecidos e linhas, avaliada em R$ 70 mil, foi localizada na manhã de ontem por policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Limeira.
O material estava escondido no meio do mato, próximo a galpões de empresas, nas proximidades da rodovia SP-147, que liga as cidades de Limeira e Mogi Mirim, na região do bairro Nova Limeira.
A carga estava num caminhão de uma transportadora de Sumaré, que foi roubada por uma quadrilha na noite de quarta-feira. O veículo já tinha sido localizado pela Polícia Militar em Limeira. Na ocasião, um homem foi preso.
Segundo o delegado responsável pela DIG, Fábio Rizzo de Toledo, a polícia recebeu a informação da possível localização da carga e investigadores da delegacia foram até a área. "Não sabíamos o local exato de onde ela estava e precisamos procurar. Quando encontramos, passamos o dia todo esperando para tentarmos prender a pessoa que estaria cuidando do material", disse.
Rizzo explicou que a informação que eles tinham é que alguém buscaria a carga ontem. Mesmo não realizando a prisão de ninguém, as investigações continuarão. "Já temos a identificação do suspeito e vamos procurá-lo para prendê-lo".
Rizzo falou que 58 rolos de tecido, 22 caixas de linha e oito rodas foram localizados. Ele não soube informar se toda carga tinha sido recuperada. "O proprietário do material já foi acionado e só depois saberemos se está faltando alguma coisa", explicou.
ROUBO
Conforme já mostrou o Jornal de Limeira, pelo menos nove criminosos entraram em uma transportadora, onde roubaram dois caminhões e um carro. Os ladrões fizeram seis reféns durante a ação. Na noite de anteontem, um dos caminhões - que tinha rastreador - foi localizado pela Polícia Militar. Uma pessoa foi presa.
O delegado da DIG ainda falou que o detido teria alegado que estava apenas fazendo um teste no caminhão. "O rapaz disse que estava fazendo um teste com o veículo para depois, talvez, comprá-lo". O homem acabou reconhecido por uma das vítimas como sendo um dos autores do assalto.
Postar um comentário