sábado, 23 de outubro de 2010

Quando as Perdas Vão Alem do Valor Embarcado

As Noticias abaixo demonstram que cadas vez mais o Gerenciamento de Riscos tem que agregar proteção a Vida e Meio Ambiente, embora existam ferramentas disponíveis, são negligenciadas ou subjetivizadas.

Acidente mata três e interdita a BR-262 no Espírito Santo

Caminhão com mais de 100 cilindros de cloro tombou após bater em carro e carga caiu na pista. Cloro intoxicou pessoas na rodovia

A rodovia BR-262 está totalmente interditada desde as 17h de quarta-feira, na região do município de Domingos Martins, no Espírito Santo. Um caminhão que transportava mais de 100 cilindros de gás cloro tombou ao bater em um carro, e a carga caiu na pista. Duas pessoas que estavam no caminhão e o motorista do carro morreram.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o impacto rompeu os lacres de segurança dos cilindros e houve vazamento de gás, intoxicando várias pessoas que usavam a rodovia. Elas foram encaminhadas a hospitais da região, e os bombeiros isolaram um perímetro de um km do acidente. À 0h desta quinta-feira, uma equipe especializada no manuseio do gás chegou ao local para recolher a carga.

A Polícia Rodoviária informou que não há previsão de liberação do trecho. O motorista deve pegar um desvio na BR-262 próximo à cidade de Pedra Azul, entrar na cidade de Alfredo Chaves e seguir pela BR-101 até acessar a BR-262 no km 15, em Viana. FONTE:AGENCIA ESTADO

Caminhão derrama carga tóxica na BR-376, no Paraná

Um caminhão argentino que transportava ácido fosfórico tombou na BR-376, no Paraná, após colidir com outro caminhão, e derramou parte da carga tóxica na pista. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu na manhã de hoje, por volta das 9 horas, no km 66 km, em Guaratuba.

A Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros e técnicos do Instituto Ambiental do Paraná foram ao local. Segundo a Defesa Civil, o caminhão transportava 16 mil litros de ácido fosfórico e aproximadamente dois mil foram derramados na pista. O vazamento já foi contido e a empresa responsável pela carga está no local para retirá-la da pista.

A rodovia está totalmente interditada no sentido Santana Catarina, mas foi feito um desvio utilizando uma faixa do sentido contrário. A PRF informou que há dez quilômetros de lentidão na via. Já no sentido Mato Grosso do Sul não há registro de lentidão. A PRF não fez uma previsão de liberação da pista. FONTE: AGENCIA ESTADO

Postar um comentário