segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Pátio desaba e deixa desaparecidos no Porto do Chibatão em Manaus

O deslizamento de parte do Porto do Chibatão, no Colônia Oliveira Machado, zona Oeste de Manaus, deixou feridos e vítimas desaparecidas. O acidente aconteceu no início da tarde deste domingo (17). A área foi isolada pela Polícia Militar. O porto fica à margem esquerda do Rio Negro e é classificado como o maior complexo portuário privado do Estado.

Foto: Fábio Melo/TV Amazonas

Segundo informações, equipes trabalhavam na terraplenagem do local quando houve o deslizamento. O acidente puxou postes e derrubou mais de 50 contêineres. Cerca de 30 carretas também foram levadas ao fundo do rio. Material de limpeza, bebidas alcoolicas e eletroeletrônicos que caíram na água estão boiando no rio Negro.

O acidente puxou postes e derrubou mais de 50 contêineres. Foto: Fábio Melo/TV Amazonas

O Corpo de Bombeiros do Amazonas divulgou que há pelo menos três pessoas desaparecidas. Equipes fazem as buscas no local. A Defesa Civil também está no local. O comandante do Corpo de Bomebeiros, tenente coronel Antônio Dias, afirmou que o número exato de vítimas só poderá ser confirmado após pronunciamento da empresa sobre o número de funcionários que trabalhavam no local.

Foto: Fábio Melo/TV Amazonas

O trabalho de resgate dos desaparecidos estaria prejudicado devido ao risco de novos desabamentos no Porto. Contêineres e carretas continuam na área próxima ao acidente.
Ao todo, o porto compreende uma área de 217 mil metros quadrados, com cais flutuante de 431,5 metros de extensão, com capacidade para atender até 4 navios com calado entre 12 e 20 metros.

Contêineres e carretas continuam na área próxima ao acidente. Foto: Fábio Melo/TV Amazonas
O Portal Amazônia tentou entrar em contato com a direção do Porto do Chibatão mas não teve sucesso.

Há risco de novos deslizamentos. Foto: TV Amazonas/reprodução


Fonte: Portal da Amazonia

Postar um comentário