domingo, 24 de junho de 2012

(PE) Carga de tecidos é recuperada

Uma carga de tecidos roubada e avaliada em mais de meio milhão de reais foi recuperada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite do último sábado. Durante a abordagem de rotina, realizada no posto da cidade de Gravatá, agreste pernambucano, localizado na BR 232, um homem, também, foi preso.

Os agentes da PRF foram informados de que uma carreta transportando tecidos pertencentes a empresa Vicunha S/A, com sede no Rio Grande do Norte, havia sido roubada durante a madrugada no município de Currais Novos situado no mesmo estado.

O material orçado no valor de R$ 598 mil estava sendo conduzido por José Roberto da Silva que foi contratado na cidade de Mamanguape, na Paraíba, e receberia mil reais para levar a carga roubada até Caruaru. Em depoimento à PRF, o suspeito afirmou que estava sendo escoltado por outros dois integrantes da quadrilha que se encontravam em um Fiat Uno. Um deles era o contratante que chegou a ligar para o motorista quando o mesmo já se encontrava preso, informando que o estava aguardando para receber o carregamento em um determinado local, à margem da rodovia. Os policiais se dirigiram até o ponto de encontro, mas não encontraram os suspeitos.  

Um bloqueio foi montado visando a interceptação do caminhão com o apoio de outras equipes que reforçavam o policiamento e a fiscalização na BR 232. O veículo foi interceptado e na abordagem foi constatado que toda a carga e o semi-reboque roubados estavam intactos.

Os agentes perceberam que o caminhão de placa CVP 5090 de São Paulo, usado para transportar o semi-reboque, era pertencente a empresa na qual o motorista detido trabalha, não sendo o mesmo que havia sido roubado. O caminhão pertencente a empresa Vicunha S/A, originalmente utilizado para o transporte da mercadoria, não foi localizado pela PRF. A ocorrência foi encaminhada à Delegacia de Vitória de Santo Antão.

FONTE: FOLHA PE

Postar um comentário