quinta-feira, 29 de setembro de 2011

(SP) T.O.R. prende ladrão de carga na Anhanguera

O acusado estava só de cueca e tentou se passar por vítima. Ele esta envolvido no roubo de uma carga de café.

O flagrante aconteceu nas primeiras horas desta terça-feira, dia 27, no interior de um posto de serviços localizado no km 163 da Via Anhanguera, a SP/330, no município de Araras. Por volta da 1h30, policiais do TOR – o Tático Ostensivo Rodoviário –  Cabo Dias e Soldados Godoi e Batista, realizavam patrulhamento pela rodovia, quando adentraram ao pátio do estabelecimento comercial e resolveram averiguar um caminhão Scania, modelo T-113 com placas de São Sebastião do Paraíso/MG. No exato momento da abordagem, dois homens que estavam no interior do caminhão desceram correndo, escondendo-se entre os demais caminhões estacionados no pátio.

No interior do veículo abandonado, os policiais localizaram o proprietário do caminhão que estava amarrado. Ele alegou ter sido abordado pelos ladrões por volta das 23h00, quando se encontrava com seu veículo estacionado no pátio de um posto de serviço localizado na Rodovia SP/340, no município de Mogi-Mirim. Na ocasião, o caminhão tracionava uma carreta que estava carregada com 31 toneladas de sacas de café em grãos no valor de R$ 120.000,00. Os bandidos desengataram a carreta e passaram a transitar com o caminhão mantendo a vítima como refém, até o momento em que foram surpreendidos pelos homens do TOR no município de Araras.

Contando com o apoio de outras equipes de policiais, foi realizada uma minuciosa busca no interior do pátio, onde foi detido o acusado C.P.. Ele estava sem roupas, trajando apenas uma cueca e alegou que também teria sido vítima de roubo, porém, sua história não convenceu os patrulheiros. Foi localizado no interior de seu veículo, um caminhão Volkswagen, modelo 13.180, cor branca, placas de Santos/SP, que estava estacionado ao lado do caminhão roubado, notas fiscais rasgadas e partes do equipamento de rastreamento do veículo Scania T-113.

Ao ser questionado, o acusado acabou confessando a participação no roubo. Seu comparsa, apesar da intensa busca, conseguiu evadir-se do local, tomando rumo ignorado. A carreta roubada que transportava a carga de café não foi localizada.

Diante dos fatos, a ocorrência foi encaminhada ao plantão policial de Araras, onde a autoridade de polícia civil, Dr. Fernando Gonçalves Sales, ratificou a voz de prisão em desfavor do acusado, recolhendo-o a Cadeia Pública de Araras.

As equipes de TOR - Tático Ostensivo Rodoviário, considerada a tropa de elite da Polícia Rodoviária de São Paulo, têm como integrantes, policiais especialmente treinados e preparados para coibir diversos ilícitos penais, dentre eles o roubo de caminhões e carga.

FONTE: PORTAL LEME NEWS

Postar um comentário